Segundo as palavras do vice-provedor e presidente do Conselho de Administração, Edmundo Martinho, a Santa Casa da Misericórdia de Lisboa (SCML) vai definitivamente entrar no universo do jogo online este verão.

A Santa Casa da Misericórdia de Lisboa explora jogos sociais como o totoloto, Joker, Placard e outros com significativo sucesso. A vasta experiência que detém neste reduto será certamente uma ferramenta vital para enfrentar a concorrência do mercado online de jogo em Portugal.

A aguardar pela licença da entidade reguladora, a Santa Casa prepara-se para explorar o jogo online, sob o nome Sociedade de Apostas Sociais. Este consórcio terá como acionistas a SCML (54%), a União das Misericórdias Portuguesas (16%), a Fundação Montepio (15%), a Cáritas Portuguesas (7,5%) e a Associação dos Cegos e Amblíopes de Portugal (ACAPO) com outros 7,5%.

Esta licença irá incluir a exploração de apostas desportivas à cota, apostas hípicas e ainda jogos de fortuna ou azar. Mais ainda, existe também a possibilidade de outros géneros de jogos.

Este mostra-se como um projeto de grande ambição e a expetativa é enorme visto que a Santa Casa da Misericórdia de Lisboa possui uma vasta experiência no universo dos jogos. Será agora interessante verificar se a vertente online consegue garantir tantos seguidores como os jogos sociais que a Santa Casa detém e se esta nova opção online irá “empurrar” alguns dos utilizadores de jogos como o Placard para o universo online.